Atividades sábado letivo, 6º ano

Bom dia, queridos alunos!

Neste dia trabalharemos com o tema sobre o empoderamento feminino no qual estarei enviando um texto demonstrando como alguns gêneros  musicais  em nosso país naturalizou canções que denigre a imagem da mulher.

Por gentileza, leiam o texto e façam uma redação de no mínimo dez linhas relacionado ao texto. Após realizarem esta redação enviem para email institucional do professor ( alexnadre.ms@educacao.mg.gov.br ) para que sejam avaliadas, ok pessoal?

MULHERES CRIAM SITE PARA DENUNCIAR MÚSICAS MACHISTAS.

O (MMPB) Música Machista Popular Brasileira está no ar para provocar uma reflexão sobre letras consideradas machistas. Por que elas incomodam  –ou deveriam– incomodar muito mais? O diretório de composições foi criado, claro, por um grupo de quatro mulheres inquietas com o que é cantado –e faz sucesso– no país. Segundo uma delas, a diretora de arte Rossiane  Antúnez, 27, a ideia  já existia e o estopim para botar o projeto no ar foi a polêmica em torno de “Só Suru….. de Leve”, do MC Diguinho, em janeiro deste ano. A música foi acusada de fazer apologia do estupro e retirada de plataformas de streaming. Entretanto, o site já conta com um acervo de mais de 100 canções. “O objetivo é totalmente direcionado a esses questionamentos que estamos propondo, que se fazem cada vez mais relevantes e necessários”, disse em entrevista à Universa. Ao lado de Rossiane estão a publicitária Lilian Oliveira, 28, a especialista em UX, Carolina Tod, 27, e Nathália.

Do sertanejo ao funk, passando pelo rap e o axé, as nuances de machismo estão em todos os estilos da música brasileira. Para ver é só entrar, clicar no botão “dá um shuffle” e a plataforma seleciona aleatoriamente uma faixa. É possível ver o vídeo, a letra e o motivo pelo qual ela é considerada problemática. Em breve o site terá opção de navegação de A a Z. A seguir, com a ajuda de Rossiane e Nathália, listamos as dez composições mais machistas da música brasileira (até agora, segundo a pesquisa delas). No rodapé do MMPB, é possível enviar a sua contribuição pelo botão “Envie uma Música”. Desde que o site foi lançado, as fundadoras já receberam mais de 60 denúncias para análise de letra.

Alguns exemplos de músicas ofensivas contra as mulheres apontada pelo site:

 

  1. “Só Suru….. de Leve” (Mc Diguinho) “Taca a bebida, depois taca a p*** e abandona na rua”
  2. “Vidinha de Balada” (Henrique e Juliano) “Eu só vim te falar. Tô a fim de você. E se não tiver, cê vai ter que ficar. Eu vim acabar com essa sua vidinha de balada e dar outro gosto pra essa sua boca de ressaca”
  3. “Trepadeira” (Emicida) “Arrasa bi…scate. Merece era uma surra de espada de São Jorge. Um chá de comigo-ninguém-pode”
  4. “Lacradora” (Claudia Leitte) “Copo na mão e as inimigas no chão. Copo na mão e as inimigas no chão. Claudinha lacradora dando nas recalcadas. Enquanto a gente brinda, elas tomam pisão”
  5. “Faixa Amarela” (Zeca Pagodinho) “Mas se ela vacilar, vou dar um castigo nela. Vou lhe dar uma banda de frente. Quebrar cinco dentes e quatro costelas”
  6. “Bruto, rústico e sistemático” (João Carreiro e Capataz) “Na muié eu dei um jeito. Corretivo do meu modo. No quarto deixei trancada. 15 dias aprisionada”
  7. “Por causa de você” (Kelly  Key) “Por causa de você não uso mais batom, rasguei meu short curto, diminuí meu tom. Troquei os meus amigos por alguém que só me arrasa” .

 

De acordo com texto acima responda:

Para que possamos buscar uma sociedade que realmente dê a mulher uma posição equânime, empoderamento, no qual possa ter os direitos respeitados e alcançar posições de destaque sem que haja preconceito e desconfiança, a que se rever todos os conceitos inserido dentro do convívio social. E um destes conceitos pode-se começar pelas canções inseridas na cultura de massa no Brasil, ou para ser mais claro, nas músicas pulares: Funk, Sertanejo, Rock, Pop, Pagode e Samba.

Você concorda com o projeto  (MMPB ), Música Machista Popular Brasileira, no qual sugere um site para denunciar canções com letras machistas e misóginas as quais denigre a imagem da mulher, e com agravante, com conivência da grande maioria das pessoas, minimizando o problema dizendo que é somente uma suposta brincadeira ou um lamento amoroso sem qualquer pretensão? Justifique sua resposta com um pequeno texto de dez linhas.

 

REFERÊNCIAS.

https://www.uol.com.br/universa/noticias/redacao/2018/04/12/mulheres-criam-site-para-denunciar-musica-machista-e-listam-as-10-.htm

 

 

 

(6) Comentários

Deixe uma resposta

Atenção: Preencha todos os campos e informe seu nome completo!